Calendário

Dezembro 2019
Se Te Qu Qu Se Sa Do
  1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30 31  

PRODER com mais alta taxa de execução de sempre em 2013

07.01.14 | Notícias

A taxa de execução do Programa de Desenvolvimento Rural (Proder) atingiu os 77% em 2013. A totalidade de pagamentos neste programa europeu efetuados em 2013 foi de 731 milhões de euros, dos quais, 110 milhões de euros são provenientes do Orçamento de Estado. Trata-se do maior montante global a nível de pagamentos de sempre no Proder que registou aumentos pelo terceiro ano consecutivo.

Em 2012, a taxa de execução do Proder tinha atingido os 60%, com pagamentos no valor de 701 milhões de euros, dos quais 106 milhões de euros do Orçamento de Estado.

O INE estima que o rendimento da atividade agrícola em Portugal deverá, em 2013, crescer em termos reais 4,5%, em comparação com 2012, o que comprova o bom desempenho do sector.

A Ministra da Agricultura e do Mar, Assunção Cristas, afirmou que «em termos operacionais o ano de 2013 foi um ano estável e positivo. Houve uma forte preocupação em garantir aos agricultores a segurança e estabilidade de políticas públicas ao sector, necessárias para a continuação do bom ritmo de crescimento do sector agrícola. Estamos muito satisfeitos com o facto de termos superado o objetivo a que nos propusemos no âmbito da taxa de execução do Proder. A nossa meta era os 75% de execução e terminamos 2013 com 77%, isto mostra que com uma gestão eficaz dos fundos comunitários o sector dá uma reposta rápida e muito positiva».